CRP-23 participa de Encontro Nacional das Comissões de Orientação, Ética e Fiscalização

CRP23.1

Entre os dias 11 e 13 de novembro, representantes do Conselho Regional de Psicologia do Tocantins (CRP-23) participaram do Encontro Nacional das Comissões de Orientação e Fiscalização do Sistema Conselhos 2019 realizado na sede do CFP em Brasília/DF.

Organizado pela Secretaria de Orientação e Ética (SOE) do CFP, o encontro reuniu presidentes e técnicos das Comissões de Ética e Comissão de Orientação e Fiscalização (COE e COF) dos 24 Conselhos Regionais de Psicologia (CRPs) e do CFP para debater a qualidade do exercício profissional e trocar experiências e saberes que englobam a orientação e a fiscalização.

A psicóloga fiscal do CRP-23, Lais Karolinny Almeida Amaral (23/755), esteve presente representando o regional e conta que o encontro foi uma excelente oportunidade para alinhar as orientações do Sistema Conselhos quanto às comissões:

“É importante estarmos alinhados com as orientações do Sistema Conselhos a respeito dos processos de fiscalização, a respeito da organização das comissões, para que possamos desempenhar melhor o nosso papel de orientação e fiscalização.”.

Na ocasião foram apresentados: a Resolução CFP 06/2019, que trata sobre regras para elaboração de documento escritos, e o novo Código de Processamento Disciplinar (CPD) – Resolução CFP 11/2019.

Para o psicólogo Pedro Paulo Valadão Coelho (CRP 23/492), conselheiro tesoureiro e membro da COE no CRP-23, discutir os princípios do novo código de processamento disciplinar é necessário para alinhar os fluxos de trabalho entre as duas comissões permanentes de todos os CRs.

Durante o encontro os participantes receberam o novo Código de Processamento Disciplinar (CPD), em formato físico, que foi apresentado desde o histórico de sua construção, inovações e apresentação dos títulos.

A psicóloga Edjane da Silva Bomfim (23/1609), colaboradora da COF no CRP-23, diz que muitas dúvidas foram sanadas durante o encontro e muita informação foi acrescida ao exercício da atividade de fiscalização:

“Foi um prazer imenso ter participado e me enriquecido com as discursões, informações e troca de experiências pertinentes ao exercício das comissões.”.

No último dia do Encontro Nacional das Comissões de Orientação e Fiscalização do Sistema Conselhos foi apresentada a proposta de uso das novas tecnologias na fiscalização profissional da Psicologia. O evento foi encerrado com uma explanação sobre o convênio celebrado entre CFP e outros conselhos profissionais com o Ministério Público do Trabalho sobre as fiscalizações nos estágios.

(com informações do CFP)

Comente via Facebook

Comentário(s)