Campanha Nacional dos Direitos Humanos chega ao Tocantins na sexta-feira (12)

campanha dos direitos humanos

A Comissão de Direitos Humanos do Conselho Federal de Psicologia (CDH-CFP) tem se debruçado ao longo de anos em problematizar e produzir enfrentamentos às diversas formas de opressões e violências que estruturam nossa sociedade, tais como: o racismo, a violência de gênero, a lgbtfobia, o preconceito, a discriminação e a desigualdade social. Assumindo como direção o compromisso ético-político com transformações sociais, e uma das formas históricas de a comissão intervir neste processo é produzindo  uma Campanha Nacional.

Com isso, em 2018 o conjunto das comissões de direitos humanos do Sistema Conselhos de Psicologia lançou a campanha nacional da Psicologia contra o discurso de ódio e a violência, utilizando a hashtag #DiscursoDeÓdioNão, que tem como objetivo central produzir uma interdição dos discursos de ódio voltados contra populações historicamente vulnerabilizadas e estimular o respeito e ações humanizadas e humanizadoras. Ela faz referência aos povos tradicionais, à população em situação de rua, à população negra, à população de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais, às pessoas que fazem uso de drogas, às mulheres, às pessoas usuárias de serviços de saúde mental, às crianças e adolescentes vulnerabilizados, etc.

CFP_RedesSociais6

Portanto, o CRP-23 convida todos os profissionais, movimentos sociais e comunidade de forma geral a estar presente no lançamento estadual da campanha nacional dos Direitos Humanos que acontecerá no próximo dia 12 de abril, na Unitins campus Graciosa, em Palmas, a partir das 18h30min. No Tocantins o lançamento da campanha contará com uma instalação artística e acontecerá em formato de Mesa Redonda, abordando o tema: Feminicídio, violência contra a mulher e a flexibilização da posse de armas, contaremos com a participação de Maria de Jesus Moura, conselheira da CDH-CFP, Cristina Vianna Moreira dos Santos, professora Doutora no curso de Psicologia da UFT e Amanda Freire do Nascimento, advogada, membro da Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD). O debate será mediado por Mírian Carvalho Lopes, integrante da Comissão Especial de Direitos Humanos do CRP-23. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas aqui, após o evento serão emitidos certificados de participação.

feed das redes sociais - campanha dh

Comente via Facebook

Comentário(s)